A importância de um Treinador de Natação

Portugal é um país que se encontra rodeado por água desde  há mais de dois mil anos, saber usufruir em segurança deste enquadramento deveria estar no ADN  cultural de cada Português, mas tal não se verifica, principalmente na idade adulta. 

A natação, para além de promover segurança, também gera um conjunto de sensações de bem-estar, contribuindo para elevados consumos energético, (pelo facto de ser uma atividade maioritariamente aeróbia). Neste sentido, poderá ser utilizada como um precioso instrumento em programas de condição física.

Segundo um estudo realizado pela a OMS (organização mundial da saúde), a baixa competência em natação, assim como os riscos associados aos planos de água, em 2017 e 2018, levaram a que morressem 239 pessoas afogadas em Portugal, maioritariamente adultos.

Assim, a oferta da natação para o adulto, mesmo em contexto não competitivo, deve ser sistematizada e não apenas para “dar umas braçadas”. Na piscina, os primeiros comportamentos refletem as experiências anteriores (tensão muscular exagerada, movimentos compulsivos com partes do corpo ou cara longe da água). Nestes casos, é fundamental que o Treinador de Natação consiga transmitir confiança desde o primeiro momento.

 

É importante que o aluno se aperceba do sucesso que é definido com o treinador, e que invariavelmente, este passará por conseguir deslocar-se na água autonomamente.

 

Na busca deste objetivo, o professor deverá observar o aluno e privilegiar a técnica a desenvolver em primeiro lugar. Quando se fala no público mais velho (populações especiais), normalmente, inicia-se com o bruços, para além de poderem existir já padrões de movimento adquiridos, é mais estável, e não existem rotações no eixo longitudinal que possam perturbar o sistema labiríntico. Deve-se ter ainda o cuidado para evitar hiperextensões bruscas da coluna vertebral que podem agravar situações patológicas já existentes, pelo que se deve privilegiar do deslize. 

 

Nadar pode elevar de 5 a quase 14 vezes mais o consumo calórico de repouso

 

O que significa que, estará próximo do dobro do que se consegue alcançar através da marcha (Ainsworth, B., Haskell, W., Herrmann, S., Meckes, N., Bassett, J., Tudor-Locke, C., … Whitt-Glover, M. (2011))

O adulto mais competente, ainda que num contexto de Fitness e Saúde, deveria ter acesso a uma natação de qualidade, bem sistematizada, como acontecesse em qualquer processo de treino – planeada, com avaliações, definição de objetivos e estratégias, registo de volumes e intensidades e extrapolação de dispêndios energéticos.

Para isso, que seja possível usufruir de uma aula de natação bem planeada, é necessário perceber quais as qualificações no professor/treinador, para que no final, se consiga obter os resultados esperados.

Treinador de Natação Grau I

Agora que já entendes a importância de um Bom Treinador de Natação, consegues perceber que é necessário ser detentor de um conjunto de conhecimentos e capacidades.

No curso de Treinador de Natação de Grau I aprenderás todas as técnicas de natação, para além de aprenderes a executar planos de treino adequados a cada tipo de aluno (bebés, crianças, adultos e populações especiais).