SUPORTE BÁSICO DE VIDA PEDIÁTRICO

INTRODUÇÃO

Existem muitas causas de insuficiência respiratória e circulatória em pediatria, que podem evoluir de modo súbito ou gradual e que se não forem tratadas eficazmente em tempo útil, podem levar à paragem cardiorrespiratória.

Da intervenção precoce depende muitas vezes a probabilidade de sobrevivência e tal só possível se quem presenciar o acontecimento tiver capacidade para assegurar os procedimentos adequados, em tempo oportuno.

Nesse sentido, o presente curso pretende ser um contributo para aumentar o número de cidadãos com formação nesta área.

DESTINATÁRIOS

Profissionais de Saúde;
Técnicos Portadores do TEF (antiga cédula PROCAFD);
Diretores Técnicos;
Quem quiser realizar o curso a título de enriquecimento pessoal e/ou profissional.

Tipo/Nível da Ação: Ação de formação de nível 3.

Validade da Formação: 5 anos.

OBJETIVOS

Gerais:

Adquirir competências que lhe permitam realizar corretamente manobras de Suporte Básico de Vida de âmbito pediátrico, em situações de paragem cardiorrespiratória.

Específicos:

  • Compreender o conceito de cadeia de sobrevivência e conhecer os seus elos;

  • Identificar os potenciais riscos, quer para a vítima, quer para o reanimador;

  • Saber executar corretamente as manobras de Suporte Básico de Vida;

  • Saber como e quando iniciar e parar as manobras de Suporte Básico de Vida;

  • Saber identificar as situações de obstrução da via aérea por corpo estranho e realizar as manobras de desobstrução.

Oferta de Pocket-Mask

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

Suporte Básico de Vida Pediátrico – 4 Horas

  • Cadeia de Sobrevivência.

  • Riscos para o reanimador.

  • Algoritmo de SBV.

  • Algoritmo de desobstrução da via aérea.

INFORMAÇÕES A RELEVAR

Este curso serve para efeitos de renovação do titulo TEF (Ex Cédula PROCAFD) e do Certificado de Director Técnico, conferindo 0,8 unidades de crédito.
 
NOTA: A renovação dos referidos documentos implica a obtenção de 5 unidades de crédito, o que corresponde a 25 horas de formação contínua.
Parceiros
DGERT
IPDJ
ANQEP
República Portuguesa
ANESPO